28 outubro, 2020
Banner Top

Para quem não me conhece, me chamo Leonardo Forestieri, proprietário da 455garage, uma oficina especializada em restauração de carros antigos, e um apaixonado por carros antigos. Quem me acompanha nas redes sociais já deve ter percebido.

Aqui vou sempre escrever e expor minhas opiniões sobre o antigomobilismo, que hoje em dia está cada vez mais em evidência e o que rola nos bastidores dos principais encontros de carros antigos do Brasil.

Para vocês entenderem um pouco o que é uma pessoa apaixonada por carros antigos e não um entusiasta, segue o poema: amor & motor escrito por um grande colecionador  1980.

Poema: AMOR & MOTOR

 Na primeira vez que te vi,

Cobiça, mil desejos senti!

Entre luzes brilhavas

E eu, de longe, te fitava

          A Separar-nos, grave barreiras;

          Eu, jovem, em início de carreira

          E tu, requintada, predestinada

          A classe, privilegiada.

                          Amor incoercível

                          De enlace impossível.

                                     Fostes a braços de outro,

                                     Disparar forças, conforto;

                                     E eu, lutar com ardor

                                     Sem perder teu amor.

Tantas, tantas vezes te vi,

A rodar, orgulhosa, por aí;

 Sendo usada, castigada,

Maltratada, na rua, na estrada….

             E isto, quanto mais acontecia,

              Tanto e muito mais te queria,

                                O tempo passou….

                                Tudo mudou…….

                                            Um dia te encontrei largada,

                                            Sem saias, abandonada,

                                            Em lugar indigno daquele dia

                                            Em que entre estrelas reluzias.

Do novo contacto,

Ressurgiu o amor-impacto:

Apanhei-te para morar comigo

E curtir o amor antigo!

               Com trato, restaurei tuas formas;

                Com tacto, recuperei tuas forças.

                Olvidei o passado inconsequente

                E dei-te saias novamente!

                                                 Para ti, trovas são provas, confeti,

                                                  De amos, minha Thunder 57!

Nos vemos na próxima….

amor & motor

  Léo, 455 garage.

Leia a matéria escrita pelo profissional Harley, sobre como cuidar de seu carro antigo.

Tags: ,

Related Article

0 Comments

Leave a Comment